ERP EM GOTAS: Deus e os processos estão nos detalhes

Ao definir os processos mais comuns das operações você deve se ater aos detalhes... Quais registros serão feitos? Precisamos deles? Como eles são feitos? Podemos automatizar a entrada desses registros? Quais são as potenciais falhas aqui? Tem como reduzir a quantidade de navegação efetuada? Um volume pequeno multiplicado por muito se torna muito. A grande maioria das empresas tem alguns processos de alta repetitividade que poderiam facilmente ser aprimorados... por que não fazer? Quem tiver uma resposta convincente para isso, por favor, me diga.

Pontos de Aprendizado:

Fornecedor de ERP:
a) Comece a fazer ações contínuas de otimizações dos seus processos no ERP. Agora!!!

Cliente de ERP (em Seleção)
a) Seus potenciais fornecedores de ERP demonstram interesse em promover melhorias contínuas nos seus produtos?  Como você verifica isso?

Cliente de ERP (em Pós-implantação)
a) Suas rotinas de melhorias contínuas do ERP incluem a interação com o seu fornecedor de ERP? Ajude-o a melhorar o sistema!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Falando Sobre... Fluxo de Caixa e os ERP

Falando Sobre... Contas a Receber e os ERP

Falando Sobre... ROI dos ERP